Homem tenta atropelar pedestres na Bélgica

Incidente ocorreu na cidade de Antuérpia. Caso acontece um dia após os ataques terroristas em Londres

Por O Dia

Bélgica - As autoridades da Bélgica divulgaram que a segurança no porto da Antuérpia foi aumentada após um carro suspeito em alta velocidade ter passado por uma rua movimentada da cidade, forçando os pedestres a correr e fugir.

O carro foi parado no porto e o homem dentro do veículo foi detido. Ainda não se sabe quais eram as intenções do responsável O primeiro-ministro belga, Charles Michel afirmou que "permanecemos vigilantes. Nossos serviços de segurança fizeram um ótimo trabalho".

Autoridades encontraram dentro do veículo do suspeito um rifle%2C objetos cortantes e um container com líquido ainda não identificado. Reprodução Twitter

Segundo a emissora pública "VRT", o homem é conhecido pelas autoridades por posse ilegal de armas. 

"Nossos colegas de Defesa o localizaram e tentaram detê-lo, mas o motorista estava fora de controle e passou por um semáforo vermelho" disse Serge Muyters, chefe de polícia de Antuérpia. 

Muyters ressaltou que "há vigilância reforçada nos lugares movimentados da cidade" e que pediu "pessoal extra" ao Ministério da Defesa.

Segundo as autoridades locais, o suspeito, de decendência africana, se chama Mohamed R., tem 40 anos de idade e é cidadão francês. A polícia encontrou no veículo, de registro também francês, um rifle, diversos objetos cortantes e um container com um líquido ainda não identificado. 

Os incidentes ocorreram um dia após o país prestar homenagem aos ataques que ocorreram em Bruxelas há um ano, que mataram 32 pessoas.

Com informações da Agência Estado e EFE. 

Últimas de _legado_Mundo e Ciência