Ivanka Trump será funcionária sem salário na Casa Branca

Dois senadores democratas, Elizabeth Warren e Tom Carper, enviaram uma carta ao Escritório de Ética questionando o peso de Ivanka na Casa Branca

Por O Dia

Ivanka TrumpReprodução Twitter

Washington - Filha do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, Ivanka Trump passa a participar do governo dele como uma funcionária oficial. Ivanka anunciou nesta quarta-feira que atuará como uma funcionária que não receberá salário na Casa Branca, após o plano dela de atuar como uma assessora informal ser alvo de críticas de especialistas em ética e de congressistas da oposição democrata.

Ivanka já havia se afastado de papéis de gerência nas empresas da família, já que o marido dela, Jared Kushner, tem atuado como assessor sênior do presidente desde o início do governo. Kushner tampouco recebe salário.

Dois senadores democratas, Elizabeth Warren e Tom Carper, enviaram uma carta ao Escritório de Ética do Governo questionando o crescente peso de Ivanka na Casa Branca, embora ela não tenha uma função formal. Agora, ela estará sujeita às mesmas regras de todos os funcionários federais, lembrou a própria Ivanka em comunicado. A notícia foi divulgada primeiro pelo jornal The New York Times.

Trump frequentemente convida a filha para reuniões com executivos e líderes estrangeiros. A Casa Branca divulgou comunicado dizendo estar "satisfeita por Ivanka Trump ter tomado esse passo" de virar funcionária federal.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência