Venezuela surpreende e se credencia para reunião da OEA

Até o final da tarde de ontem, 22 ministros haviam confirmado a participação. O chanceler do Brasil, Aloysio Nunes, é um dos presentes

Por O Dia

Caracas - A delegação da Venezuela na Organização de Estados Americanos (OEA) surpreendeu a entidade nesta quarta-feira ao se credenciar para a reunião de chanceleres convocada para discutir a crise enfrentada pelo país e que será realizada contra a vontade do governo de Nicolás Maduro. Os chanceleres dos países membros da OEA se reúnem hoje, em Washington.

Por crise, povo venezuelano foi às ruas para protestar contra o presidente Nicolás MaduroEfe

A informação foi confirmada por fontes da missão diplomática da Venezuela. Por enquanto, não se sabe se a chanceler venezuelana Delcy Rodríguez será a representante do país no encontro. O governo de Maduro solicitou a sua saída da OEA no último dia 28 de abril, ainda que a medida só entre em vigor em 2019.

Até o final da tarde de ontem, 22 ministros haviam confirmado a participação no encontro. O chanceler do Brasil, Aloysio Nunes, é um dos presentes.

Simultaneamente à reunião, estão previstos protestos em Caracas na região em que fica localizada a chancelaria do país. O objetivo é chamar a atenção da imprensa internacional.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência