Polícia diz que 58 pessoas desaparecidas após incêndio em Londres morreram

Comandante da Polícia Metropolitana de Londres confirmou que o refugiado sírio Mohammed Alhajali foi a primeira vítima identificada

Por O Dia

Londres - A polícia de Londres disse neste sábado (17) que considera que 58 pessoas desaparecidas desde o incêndio ocorrido na última quarta-feira (14) em um edifício residencial de 24 andares no oeste da capital britânica estão mortas.

Em um pronunciamento, o comandante Stuart Cundy, da Polícia Metropolitana de Londres, confirmou também que o refugiado sírio Mohammed Alhajali, que vivia no edifício, foi a primeira vítima identificada. 


Últimas de _legado_Mundo e Ciência