Famílias de vítimas de atentado em show de Ariana Grande receberão R$ 1 milhão

As 22 famílias das vítimas que morreram no atentado devem receber a maior parte de fundo beneficente

Por O Dia

Ariana Grande durante apresentação alvo dos terroristasAFP

Rio - As famílias das 22 pessoas mortas em atentado a bomba no Manchester Arena, durante o show da cantora pop Ariana Grande, em Maio, receberão uma quantia de R$ 250 mil libras (cerca de R$ 1 milhão de reais). O valor foi arrecadado pelo fundo "We Love Manchester".

O fundo, lançado para ajudar os familiáres das vítimas da tragédia, arrecadou mais de 23 milhões de dólares — aproximadamente 72,6 milhões de reais. Além das famílias das vitimas fatais, as vítimas que se feriram também vão receber uma quantia.

Sue Murphy, presidente do conselho que administra a fundação e lider do levantamento de fundos. "A cidade e o mundo responderam com muita gentileza, generosidade e solidariedade após o ataque em Manchester. Obrigada àqueles que levantaram mais de 23 milhões de dólares e nós estávamos conscientes que deveríamos destinar parte dessa quantia àqueles com necessidades imediatas. E acrescentou: Nós vamos, agora, tirar um tempo para analisar como vamos distribuir o restante dos fundos. Isso será um processo complexo e sensível, pois teremos que ter acesso aos impactos de longa data do ataque".

Parte do fundo foi arrecadada com show beneficente feito pela cantora que também contou com a participação de outros cantores e artistas famosos, em Manchester, na Inglaterra.

Com informações do Estadão Conteúdo

Últimas de _legado_Mundo e Ciência