Merkel diz que só há opção de 'solução pacífica' para crise da Coreia do Norte

Chanceler alemã ressaltou que país está disposto a ajudar na atual crise

Por O Dia

Berlim - A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, condenou nesta terça-feira o último teste nuclear da Coreia do Norte como uma "violação flagrante" das convenções internacionais, mas acrescentou que só poderá haver uma "solução diplomática e pacífica" para a crise atual.

Merkel diz que só existe solução pacífica para crise com a Coreia do Norte e ressaltou que Alemanha pode ajudarAFP

Merkel, que falou durante discurso no Parlamento alemão, disse que a distância da Coreia do Norte em relação à Alemanha não impede o país de ajudar a superar a crise.

Na noite desta segunda, Merkel conversou com o presidente dos EUA, Donald Trump, para discutir o último ato de provocação de Pyongyang.

Ambos os líderes condenaram o "comportamento imprudente e perigoso" da Coreia do Norte e reafirmaram a importância de que haja uma coordenação próxima na Organização das Nações Unidas (ONU). 

Últimas de _legado_Mundo e Ciência