Creche é processada por raspar o cabelo de aluna sem a permissão dos pais

Funcionários alegaram que foi por motivo de higiene

Por O Dia

EUA - Uma creche em Massachusetts, nos Estados Unidos, está sendo processada por Denise Robinson, uma mãe que alega que funcionários rasparam o cabelo de sua filha, Tru, sem permissão.

A unidade educacional disse que fez isso por motivos de higiene e que vai analisar o caso para determinar se alguma punição é necessária. A garota tinha o cabelo cacheado e a responsável pelo corte ainda teria dito para a menina que o cabelo iria crescer novamente, só que dessa vez ele seria liso.

Denise se manifestou através de uma publicação no Facebook, que não está mais disponível para o público, e mostrou uma foto antes e depois da filha. “Nós não demos permissão a ninguém para fazer isso”, escreveu.

Antes e depois de TruReprodução Twitter CBS


Últimas de _legado_Mundo e Ciência