Coreia do Norte afirma que míssil tem capacidade de atingir os EUA

Preocupação com o novo lançamento levou à solicitação de uma reunião de emergência no Conselho de Segurança da ONU

Por O Dia

Coreia do Sul - A Coreia do Norte informou, nesta quarta-feira, ter lançado com sucesso um míssil balístico intercontinental com capacidade nuclear e alcance para atingir todo o território dos Estados Unidos. 

A TV estatal do país afirmou ainda que o míssil é "significativamente mais" poderoso do que o testado em setembro. Segundo a emissora, o armamento foi batizado como Hwasong 15.

Coreia do Norte afirma que atingiu objetivo nuclear com míssil lançado nesta terça e que pode alcançar os Estados UnidosAFP

O lançamento ocorreu nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira e já havia sido detectado pela Coreia do Sul e pelos Estados Unidos. O artefato caiu no litoral do Japão.

O novo lançamento de míssil balístico por Pyongyang, depois de dois meses sem disparos, abala os esforços diplomáticos do presidente americano, Donald Trump, em sua recente viagem pela Ásia que, segundo ele, tinha como objetivo "unir o mundo contra a ameaça doregime norte-coreano".

O novo disparo levou os Estados Unidos, Japão e Coreiado Sul a solicitarem uma reunião de emergência do Conselho de Segurança da ONU. A reunião será celebrada na quarta-feira às 16h30 locais (19h30 de Brasília).

O secretário-geral das Nações Unidas, Antonio Guterres, exortou Pyongyang a "desistir de tomar qualquer possível passo desestabilizador no futuro".

Guterres qualificou o teste de "clara violação das resoluções do Conselho de Segurança" e que "revela a completa falta de respeito pela visão conjunta da comunidade internacional".

Últimas de _legado_Mundo e Ciência