Trump compartilha vídeos antimuçulmanos no Twitter

Vídeos foram divulgados por jayda Franser, ex-líder do grupo de extrema-direita Britain First, e foram compartilhados pelo presidente

Por O Dia

Washington - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, reenviou nesta quarta-feira vídeos com teor antimuçulmano, que inicialmente foram publicados por um grupo britânico de extrema-direita.

Tweets Donald TrumpReprodução Twitter

Em um dos vídeos divulgados por Jayda Fransen, ex-líder do grupo de extrema-direita Britain First, um suposto muçulmano agride um menino holandês de muletas. Outro vídeo descreve uma máfia islamita que empurra um adolescente de um telhado.

Um terceiro vídeo mostra um muçulmano derrubando e destruindo uma estátua da Virgem Maria. Esta gravação, que está no YouTube desde 2013, é descrita como a destruição de uma imagem por um jihadista na Síria.

Os retuítes eram parte de uma série de mensagens de Trump para voltar a chamar o canal CNN como divulgador de "notícias falsas". Ele insistiu que a economia americana estava em um "terreno recorde" graças a várias medidas.

"Suponho que alguém gosta (de minhas políticas)", escreveu o presidente, que também enfatizou que a confiança dos consumidores americanos está em um nível elevado.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência