Príncipe Harry e Meghan fazem primeira viagem oficial após anunciarem casamento

Casal participará de um evento para levantamentos de fundos para o combate ao HIV. Compromisso marca o Dia Mundial de Luta contra a Aids

Por O Dia

Inglaterra - O príncipe Harry e sua noiva, Meghan Markle, fazem, nesta sexta-feira, o primeiro compromisso oficial após o anúncio de seu casamento. O casal vai para o condado de Nottinghamshire, na região central da Inglaterra, participar de um evento de levantamento de fundos para o combate ao HIV. O evento de caridade marca o Dia Mundial de Luta Contra a Aids.

Casal real chegando em Nottinghamshire para o primeiro compromisso oficial após o anúncio do noivado Divulgação Twitter

Centenas de pessoas se reuníram nas ruas para saudar o casal real em sua chegada. Eles falaram com algumas pessoas e foram fotografadas. A atriz ainda foi vista carregando dois buquês de rosas e uma carta. 

Meghan Markle carregando buquês e cumprimentando pessoas em sua chegada a NottinghamshireReprodução Twitter

Eles também vão visitar uma associação de ajuda a pessoas com Aids e uma escola que participa de um programa de combate ao crime entre jovens. 

"Markle está impaciente para conhecer todos os jovens sobre os quais o príncipe Harry fala", disse Jason Knauf, porta-voz do neto da rainha Elizabeth II e quinto na linha de sucessão ao trono.

Príncipe Harry cumprimentando algumas pessoas na sua chegada a NottinghamshireDivulgação Twitter

Harry, neto da rainha Elizabeth 2ª e atualmente o quinto na linha de sucessão ao trono britânico. Ele anunciou o casamento com a atriz americana, que participa da série "Suits", na segunda-feir. A cerimônia deve ser realizada em maio de 2018 na capela de Saint George, no castelo de Windsor.

O príncipe já participou diversas campanhas relacionadas à Aids, a exemplo de sua mãe, a princesa Diana (1961-1997), que era muito envolvida com eventos de combate, caridade e conscientização sobre o assunto. Em 1987, Diana participou da abertura da primeira unidade de tratamento do vírus HIV no Reino Unido, em Londres.

Com informações da AFP

Últimas de _legado_Mundo e Ciência