Congresso americano aprova reforma tributária de Trump

A reforma prevê a redução de 1,5 trilhão de dólares da carga fiscal que pesa sobre a economia americana

Por O Dia

Washington - O Congresso dos Estados Unidos aprovou nesta quarta-feira a reforma tributária de Donald Trump, o que constitui a primeira grande vitória legislativa do chefe de Estado.

Donald Trump durante fala no CongressoEfe

A Câmara baixa aprovou a lei por 224 votos a 201, após realizar uma nova votação por motivos de procedimento horas depois de a reforma ter sido aprovada pelo Senado. Resta apenas que Trump promulgue a nova lei nos próximos dias a tempo de entregar o que qualificou de um "grande e belo presente de Natal" para o povo americano.

A reforma prevê a redução de 1,5 trilhão de dólares da carga fiscal que pesa sobre a economia americana. Segundo seus defensores, isso fará a produtividade e a criação de empregos aumentarem.

Reformas anteriores deste tipo no país já levaram a uma forte alta da dívida, porém, que forçou uma reelevação dos impostos nos anos seguintes.

O governo republicano de Trump aposta no "dynamic scoring", a alta da receita provocada pelo crescimento econômico, para compensar as perdas iniciais após os cortes.

"Não poderá se autofinanciar, mas, de qualquer modo, vale a pena", disse à AFP Glenn Hubbard, que foi chefe da equipe de economistas da Casa Branca na presidência de George W. Bush (2001-2009).

Últimas de _legado_Mundo e Ciência