Mais Lidas

Com seios de fora, ativista feminista invade presépio do Vaticano

Ucraniana de 25 anos, integrante do grupo Femen, foi detida

Por caio.belandi

Vaticano - Uma ativista ucraniana do grupo "Femen" invadiu, nesta segunda-feira, o presépio gigante do Vaticano, montado na Praça de São Pedro, e pegou uma estátua do menino Jesus aos gritos de "Deus é mulher!"

A mulher, de 25 anos, invadiu o presépio duas horas antes da benção "Urbi et orbi" do Papa Francisco, pronunciada do balcão da Basílica de São Pedro para cerca de 50 mil pessoas. Ela foi detida por "resistência e por ferir um representante da ordem pública, ofender confissão religiosa, tentativa de roubo e atos obscenos em local público".

Ativista da 'Femen' com seios nus invade presépio do VaticanoFemen/AFP

Diante do presépio, a jovem jogou sua bolsa no chão e levantou o casaco, mostrando os seios, antes de pular a barreira que protegia o presépio e chegar à estátua de Jesus, informou a polícia. No tronco da jovem estava escrito #METOO, seguido de "Assaulted by Church" ("agredida pela Igreja").

Uma outra jovem ucraniana, de 22 anos, que não resistiu, foi autuada por cumplicidade em ato contra confissão religiosa e tentativa de roubo. 

O movimento feminino "Femen", surgido na Ucrânia e marcado por protestos de jovens com os seios nus contra o então regime pró-Kremlin, o presidente russo, Vladimir Putin, e a Igreja Ortodoxa, se alastrou pela Europa, onde tem entre seus alvos a Igreja Católica, acusada de retrógrada em relação aos direitos da mulher. 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia