Por douglas.nunes

TAIPÉ - A Apple planeja lançar seu novo iPhone em agosto, um mês antes do esperado, depois que as vendas do produto foram afetadas por novos modelos com tela grande lançados pelos concorrentes, informou nesta sexta-feira um grande jornal de Taiwan, citando fontes da cadeia produtiva.

O Economic Daily News informou que a Apple havia adquirido peças de vários fornecedores taiwaneses, como a fabricante de bolachas (discos de material semicondutor) Visual Photonics Epitaxy Co e a Largan Precision, líder na produção de lentes usadas em celulares para o dispositivo que deverá se chamar iPhone 6.

Fabricantes de eletrônicos, como Foxconn e Pegatron, também foram notificados pela Apple para iniciar suas linhas de montagem de novos aparelhos por volta do fim de junho, continuou o periódico de circulação nacional.

Com sede nos Estados Unidos, a Apple decidiu produzir o novo modelo com tela de 4,7 polegadas em agosto, um mês antes, já que suas vendas recentes foram afetadas pelo lançamento de telefones com telas grandes de concorrentes como a gigante sul-coreana Samsung e a taiwanesa HTC, destacou o artigo.

Uma versão mais sofisticada do iPhone 6, com telas de 5,5 ou 5,6 polegadas, tem previsão de lançamento para setembro, acrescentou a companhia, destacando que se espera um total de 80 milhões de unidades vendidas das duas versões.

O jornal econômico japonês Nikkei havia indicado em março que a Apple lançaria seu próximo iPhone em setembro, na última ação na guerra dos smartphones na qual vem perdendo espaço no mercado global para concorrentes como a Samsung.

A Apple lançou seu atual iPhone 5 em setembro de 2012 e novas versões da série no ano passado.

Uma série de importantes empresas taiwanesas de eletrônica estão por trás da produção dos modelos iPhone, fornecendo componentes ou montando os aparelhos.

A última a entrar no grupo foi a maior fabricante terceirizada de chips do mundo, a Taiwan Semiconductor Manufacturing Co. (TSMC), que teria começado a produzir os chips do novo iPhone em fevereiro.

Você pode gostar