Por parroyo

A Microsoft indicou nesta terça-feira que venderá uma versão mais barata do seu console Xbox One sem o sistema de detecção Kinect.

O anúncio acontece no momento em que a Microsoft trava uma batalha com a Sony, que lidera o mercado de consoles de games com sua próxima geração PlayStation 4.

O Xbox One sem Kinect começará a ser vendido no dia 9 de junho por US$ 399, o mesmo preço do PS4, de acordo com a postagem no blog de Phil Spencer, chefe da divisão Xbox.

"A sua opinião é importante para nós e molda os produtos e os serviços que fazemos", indicou Spender, acrescentando que o console também "dará acesso aos jogos de maior sucesso" e a uma variedade de outros conteúdos.

Em abril, a Microsoft afirmou ter vendido cinco milhões de consoles Xbox One desde o lançamento no ano passado, número bem mais baixo que os sete milhões de PS4 vendidos pela Sony. Uma das explicações apontadas por analistas foi a diferença de US$ 100 no preço dos modelos das duas marcas.

O Xbox One com o controle de voz Kinect e detecção de movimento continua sendo vendido por US$ 499.

"Temos ouvido que vocês querem mais opções do Xbox One. Você deseja ampla variedade de opções em seus jogos e em experiências de entretenimento e também quer opções na sua escolha de hardware", disse Spender.

Spender diz que a companhia oferecerá o sensor Kinect como um adicional para os compradores que decidirem ter essa opção depois. O Xbox One é vendido em 39 países e deve começar a ser vendido na China até o final deste ano.

Você pode gostar