Por douglas.nunes

LOS ANGELES - O ex-presidente executivo da Microsoft Steve Ballmer comprará o time de basquete Los Angeles Clippers por dois bilhões de dólares, segundo um comunicado divulgado pelo empresário e pela atual coproprietária da franquia, Shelly Sterling.

Steve Ballmer foi presidente da Microsoft entre 2000 e 2013Kimihiro Hoshino/AFP

A NBA, a liga profissional de basquete dos Estados Unidos, decidiu obrigar a família Sterling a vender a equipe após os comentários racistas do marido de Shelly Sterling, Donald Sterling, que segundo a imprensa americana não aceita a venda.

O comissário da Liga, Adam Silver, também decidiu banir Donald Sterling pelo resto da vida de qualquer atividade da NBA.

No comunicado, Shelly Sterling declara que atua como única administradora da família, proprietária da equipe, apesar de um advogado de seu marido ter afirmado que Donald Sterling precisa assinar o acordo.

"Estou feliz por vendermos a equipe para Steve, que será um proprietário fantástico", afirma Shelley Sterling no comunicado.

Ballmer destaca que adora o basquete e que fará "o possível para garantir que os Clippers sigam vencendo - e vencendo muito - em Los Angeles".

Você pode gostar