A boa de São Francisco é o Divino

Antigo Quem Diria preserva salgados deliciosos e ainda é possível deliciar um chope quando cai a noite

Por O Dia

Niterói - Depois de passar um tempo em Lisboa, onde tudo é mais barato, ficou bem esquisito chegar aqui e ter a exata dimensão dos preços que estamos pagando para comer e beber. Confesso que fiquei bastante apavorada.

É nessa hora que a gente procura o conforto de um bar de bairro, que conhece da vida inteira e sabe que lá vai poder beber e petiscar mais tranquilo e até pendurar a conta se o bolso estiver vazio.

Victor Hugo Armstrong%2C que está na casa desde 2012%2C é o garçom amigo que administra o vai e vem do barPaulo Araújo / Agência O Dia

Sabe aquele boteco em que você fica amigo do garçom? O Divino é assim e fica ali em São Francisco, em frente à Caixa Econômica.

Durante 20 anos foi o ‘Quem Diria’, uma lojinha de vender salgados tão deliciosos que minha mãe, quando parou de dirigir por conta do coração ruim, chamava um táxi todas as tardes para ir até lá em segredo. Só descobri anos mais tarde por indiscrição de alguns motoristas que reconheciam o endereço da corrida. Fazer o quê?

Guilherme Freire já tinha uma pizzaria e Klaus Gunter era diretor de multinacional quando assumiram o ‘Quem Diria’ há seis anos. Mantiveram toda a equipe — Erinaldo, o salgadeiro está lá desde o início —, o que garantiu a continuação dos croquetes de carne, dos camarões empanados e do ovo coberto, meus preferidos. E o chope ganhou protagonismo. Bebo o meu pingado de cerveja escura no ponto certo, preparado por Victor Armstrong, o tal garçom amigo.

Virou Divino e, durante o dia, é o reino dos salgados, mas cai a noitinha é a vez dos chopes acompanhados do salgado. Não tem cerveja da moda — é Brahma ou Heineken —, e só tem o balcão e as poucas mesas, mas é meio que um lar fora de casa para muitos moradores do bairro.

Guilherme é super simpático e conhece todo mundo. Ele cresceu em São Francisco e também frequentava o ‘Quem Diria’.

O bar é ponto obrigatório de quem quer fazer uma escala entre o escritório e a casa ou de quem está só e quer tomar um chope e ver gente. Fica uma muvuca na happy hour das sextas, com a maioria das pessoas em pé, mas ninguém abandona o posto. Victor diz que é um rodízio de malucos. Pode ser... mas todo mundo se sente à vontade.

Ainda reencontrei o Robson Mudinho, que toma conta dos carros naquele ponto há mais de 20 anos — agora foi oficializado pela prefeitura. Ele continua tentando conversar comigo através dos gestos e eu quase não entendo, mas quero mesmo é ir em busca de um chope e um croquete.

O croquete de carne e a empada de camarão são os mais pedidos da casaPaulo Araújo / Agência O Dia

MELHOR DO BRASIL

Na Final Brasileira do World Class, considerado o maior campeonato de coquetelaria do mundo, o paulista Kennedy Nascimento, de apenas 22 anos, ganhou o título de melhor bartender do país garantindo a vaga no campeonato global que será no final de agosto, na África do Sul. Serão 56 países/bartenders participantes e apenas um será considerado o melhor do mundo. O segundo e terceiro lugares foram para dois bartenders do Rio, Jéssica Sanchez, do Copacabana Palace, e Renato Tavares, do Ceasar Park, Ipanema. O BemDito e o Deck Jardim de Niterói também participaram da etapa inicial do concurso.

QUARTAS DE FUTEBOL
O Boteco Confraria preparou novidades para o “dia de jogo”. Para quem adora testar seus conhecimentos sobre futebol e arriscar todos os palpites no time do coração, a casa faz um quiz e um super bolão valendo chopes, petiscos e cem reais em consumação. Já quem bate um bolão no mundo virtual, vai poder disputar um campeonato no Play Station com direito a prêmios. Quem vier com a camisa do seu time já ganha um chope. Rua Nóbrega, 237, Jardim Icaraí.

MASSAS E VINHO

O Chef Celinaldo Alves e o sommelier José Ramos do Jambeiro, estão preparando massas deliciosas acompanhadas por vinhos selecionados. Destaque para o Espaguete Jambeiro — com molho de camarão e brócolis (R$ 42). Para harmonizar, o Viu Manent Reserva Sauvignon Blanc. Rua Presidente Domiciano 131. Tel: 2717-7393. Ingá.

NOVO DESTILADO

Neste mês foi lançado por aqui o Jack Daniel’s Tennessee Honey. Feito com mel, ele é uma versão mais suave do famoso bourbon. A ideia é conquistar o público mais jovem e o feminino. Servido com gelo fica ótimo!

ARRAIÁ CHIQUE

A Pain D’Epices faz festa julina nos próximos dias 11 e 12, a partir das 17h. Vai ter barraquinha de maçã do amor, de algodão doce e de outras guloseimas temáticas. A casa fica no posto Ipiranga, em frente ao Corpo de Bombeiros na Estrada Francisco da Cruz Nunes 1.039, lojas 107 e 108, na Região Oceânica. Telefone: 3619-9810

Coluna de Suzana Blass

Últimas de _legado_Niterói