Por leandro.eiro

Rio - Depois da consolidação do Cayenne, a Porsche confirmou que vai produzir a partir de dezembro o Macan, utilitário premium médio que entra no segmento composto hoje por Audi Q5, BMW X3, Volvo XC60, entre outros. Sua produção se dará na fábrica de Leipzig, onde é montado o irmão maior.

Tamanho (e preço) reduzidos devem trazer este Porsche para mais perto dos consumidores. Reprodução Internet


Apresentação

O Porsche Macan está previsto para ser apresentado em novembro durante o Salão de Los Angeles, nos Estados Unidos, que acontecerá entre os dias 22 de novembro e 1º de dezembro. A cidade norte-americana não foi escolhida por acaso, lá é o principal mercado da fabricante alemã. Sua venda está programada para começar em 2014 na Europa, ao preço inicial de 36 mil euros (aproximadamente R$ 106 mil).

O novo utilitário da Porsche vai usar a versátil plataforma MQB, vista no Golf, no novo Tiguan e em modelos da Audi como o Q5. Porém, eles terão pesos diferentes - o Porsche será cerca de 130 km mais leve que o modelo da marca dos quatro anéis.

Depois do lançamento europeu e norte-americano, o Porsche Macan deve desembarcar no Brasil até o fim de 2014. Ele deve ser por aqui, assim como no resto do mundo, o veículo mais barato da marca alemã, equipado com um motor V6 e com preço abaixo do Boxster e do Cayenne.

O Macan vai usar plataforma MQB%2C mesma do GolfReprodução Internet


Você pode gostar