Injeção na veia da nova Chevrolet S10

Novo motor quatro cilindros consegue despejar potência de 206 cv, quando usa etanol

Por O Dia

Puerto Iguazu (Argentina) - A Chevrolet lança para a picape S10 um novo motor flex com tecnologia de injeção direta de combustível, recurso que permite redução no consumo de combustível com incremento no desempenho. O novo propulsor se incorpora a linha 2015 da picape.

Sob o capô%2C a novidade%3A injeção direta elevou a performance do motor de quatro cilindrosDivulgação


O motor estreante é um quatro cilindros 2.5 litros que fornece 206 cv de potência quando trabalha com etanol. Ele estará na S10 2015 em conjunto com uma transmissão manual de seis marchas e tração 4x4 com reduzida, comandada por acionamento eletrônico. O novo propulsor tira de linha o 2.4 l de 147 cv nas versões LT e LTZ da picape, ficando este restrito apenas a versão de entrada LS. Vale destacar que a opção diesel permanece, cujo bloco 2.8 litros entrega 200 cv de potência.

A linha 2015 da S10 também sofreu mudanças fora do ambiente do motor. Houve incremento na calibração das suspensões para proporcionar um conjunto mais rígido, com reflexos positivos na direção. Segundo a GM, no interior, a cabine recebeu reforço no isolamento acústico e ganhou novos materiais no acabamento do painel. Dependendo da versão, equipamentos de série foram incluídos.

A S10 segue sendo oferecida na forma de cabine simples ou dupla, três motores (2.4 flex, o novo 2.5 flex e o 2.8 turbodiesel), tração 4x2 ou 4x4, duas transmissões manuais (cinco e seis marchas) e uma automática, nas versões LS, LT e LTZ. Os preços partem de R$ 70 mil (LS 2.4) até R$ 103.700 (LTZ cabine dupla 2.5 4x4).

S10 a gasolina parte de R%24 70 milDivulgação



Últimas de _legado_Automania