Por helio.almeida
Estudante estava do lado de fora e teria se envolvido em uma discussão com um flanelinhaReprodução Internet

São Paulo - O flanelinha Cristiano José da Conceição Silva, de 26 anos, foi preso nesta segunda-feira suspeito de ter matado a golpes de facas o estudante Renan Ardito Rosa, de 22 anos. O assassinato ocorreu porque o estudante discutiu com o flanelinha sobre o pagamento por uma vaga. Renan foi esfaqueado quando saía de uma festa universitária na quadra da escola de samba Rosas de Ouro na manhã de sábado, na Zona Norte.

O flanelinha alegou que havia tomado conta do carro de Renan e, em seguida, desferiu dois golpes na vítima. A arma do crime ainda não encontrada. Segundo testemunhas, era uma faca de pão. Ele será indiciado por homicídio, está detido desde esta no 40º DP e deverá ser transferido para o 77º DP, em Santa Cecília, no Centro da capital paulista. Cristiano tinha passagem por agressão.
Publicidade
A assessoria de imprensa da Rosas de Ouro disse que na quadra não tem câmeras e que o espaço foi alugado para a festa que não tinha ligação com a agremiação. A empresa TOP, responsável pelo evento, lamentou o ocorrido. “O incidente aconteceu fora do espaço do evento e após cerca de uma hora do encerramento da festa", disseram. A Universidade Mackenzie também lamentou a morte do estudante.
Você pode gostar