Por helio.almeida
Ferido foi transportado de Guaramiranga a Fortaleza em aeronaveReprodução Internet

Um helicóptero tombou no final da manhã desta quinta-feira, em Guaramiranga, a 109 km de Fortaleza (CE). Seis pessoas ficaram feridas, entre elas o presidente do grupo Marquise, José Carlos Pontes, que seguia com familiares para uma propriedade na serra de Guaramiranga.

Ao pousar no sítio Tabagi, distante cerca de quatro quilômetros da sede do município, o helicóptero tombou para o lado, em decorrência de um vento forte. O empresário, que vinha com a neta no colo, tentou proteger a menina e teve a perna direita decepada.
Publicidade
Pontes teve que ser transferido para Fortaleza, onde teve uma das pernas amputadas. Os médicos congelaram a perna e trabalham a possibilidade de reimplantá-la. Os feridos foram conduzidos para o hospital municipal da cidade, onde receberam socorros e não correm risco de vida.
Em nota, o Grupo Marquise confirma o acidente e diz que. "em decorrência do acidente, o empresário será submetido a uma cirurgia na perna, ainda nesta quinta-feira, mas não corre perigo de vida. Todos os demais ocupantes do helicóptero foram prontamente atendidos e também passam bem". A Polícia investiga as causas do acidente.
Você pode gostar