Por helio.almeida

São Paulo - Um boliviano foi esfaqueado na noite desta quarta-feira por assaltantes na Mooca, na Zona Leste de São Paulo. Segundo a Polícia Civil, a vítima foi ferida após entregar R$ 150 e se recusar a dar a chave do carro aos bandidos. O boliviano levou cinco golpes e precisou ser internado. O nome do hospital não foi divulgado pela polícia e não havia informações sobre seu estado de saúde.

Cinco bandidos armados invadiram a residência quando o homem chegava na casa onde mora com um grupo de bolivianos na Rua Madre de Deus, por volta das 22h30. Os criminosos exigiram que fossem entregues dinheiro e a chave do carro. Segundo a Polícia Civil, a vítima se negou a dar a chave do veículo e foi esfaqueada. Logo após a agressão, o grupo fugiu. Até a manhã desta quinta-feira, nenhum suspeito havia sido preso.

Outro caso

Em junho, um quadrilha matou um menino de 5 anos durante assalto a uma casa onde viviam bolivianos na capital paulista. Brayan Yanarico Capcha foi baleado na cabeça porque chorou durante a ação dos criminosos. A polícia prendeu três suspeitos. Dois deles foram encontrados mortos na prisão. A polícia informou que eles podem ter sido envenenados por outros detentos. Outros dois integrantes estão foragidos, entre eleso suspeito de ter matado o garoto.

Você pode gostar