Dupla tenta extorquir vereador que aparece em vídeo de orgia em Minas

Durante audiência da CPI da Exploração sexual de Crianças, homem confirma pedido de dinheiro para não mostrar imagem

Por O Dia

Altair Gustavo Rocha Nogueira (PPS-MG)Reprodução

Rio - A CPI da Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes ouviu nesta quarta, em Brasília, dois homens que teriam tentado extorquir o presidente da Câmara de Vereadores de Três Corações (MG), Altair Gustavo Rocha Nogueira (PPS). Ueslen Marcelo do Carmo e Guilherme Alberto da Costa tinham um cartão de memória com as imagens do parlamentar participando de orgia com duas mulheres, entre elas uma adolescente.

No depoimento, Ueslen declarou que pediu R$ 2 mil a Altair, pois estava com problemas financeiros. Já Guilherme disse que não pediu nada. O próprio vereador fez queixa da tentativa de extorsão à polícia, mas, estranhamente, não registrou ocorrência na delegacia da tentativa de suborno. O cartão de memória sumiu, mas as imagens foram parar na internet.

Relatora da CPI, a deputada federal Liliam Sá (PR-RJ) perguntou aos depoentes se eles não achavam estranho o fato de o vereador não ter feito o boletim de ocorrência e eles responderam que não. O próximo passo da CPI será ouvir o delegado Cristiano de Almeida, da Delegacia de Polícia da Comarca de Três Corações.

O vereador estava em uma festa em um sítio em Varginha (MG), em que duas mulheres aparecem em poses sensuais praticando sexo com os suspeitos. Após terem acesso aos vídeos e fotos da festa que aconteceu em 2011, dois advogados denunciaram o caso ao Ministério Público e também à Secretaria Nacional de Direitos Humanos. Uma adolescente que aparece iria fazer 16 anos na época.

Uma decisão judicial, expedida pelo juiz Márcio Vani Benfica, para apreender jornais que contenham reportagem sobre o escândalo envolvendo o presidente da da Câmara de Vereadores, considerando que a publicação é uma ofensa a honra do vereador. Há a suspeita de que a festa teria ocorrido com dinheiro público. Uma pessoa que não quis se identificar disse que durante o encontro os envolvidos diziam "Ê, congresso bom, ê, congresso bom".

Vídeo em que aparece o vereador em uma festa com outros parlementaresReprodução Internet


Últimas de _legado_Brasil