Colombiano foge de sequestradores em SP e ajuda no resgate de compatriota

Pagamento de acordo foi estipulado em R$ 15 mil

Por O Dia

São Paulo - Um colombiano que vive há três anos no Brasil fugiu de seus sequestradores e com a ajuda da polícia conseguiu resgatar um compatriota que permanecia em cativeiro em São Bernardo do Campo, na região metropolitana de São Paulo.

O colombiano, que preferiu não se identificar, contou que na sexta-feira, ao lado de seu compatriota, foi até São Bernardo do Campo por recomendação de um conhecido, também colombiano, para negociar a compra de um automóvel.

Na cidade, foram surpreendidos por dois homens armados. O colombiano, no entanto, conseguiu fugir e acenou para um ônibus, que o levou para uma delegacia. A Polícia Civil acompanhou a vítima até o local indicado para o pagamento do resgate, estipulado em R$ 15 mil, e lá encontraram o homem que deu a indicação do negócio, Frank Steven Marín Parra, que planejou o sequestro e foi preso.

Marín Parra conduziu os policiais até o lugar do cativeiro, um prédio comercial no centro de São Bernardo do Campo, onde o outro colombiano, Edwin Rico López, permaneceu doze horas algemado e amordaçado com fita adesiva. "Me bateram na cabeça com pistola, na cara, no corpo, em tudo. Eles só falavam em dinheiro.

Falaram que eu ia morrer", disse López. As duas vítimas trabalham no comércio de roupas. López mora na capital paulista há sete meses e seu amigo há três anos. O autor do sequestro contou à polícia que planejou o crime pois tinha dívidas com agiotas.

Últimas de _legado_Brasil