Skinheads são presos por agressão a homossexuais em São Paulo

Suspeitos atacaram os dois porque eles se beijavam no bar

Por O Dia

São Paulo - Quatro skinheads foram presos na madrugada desta quarta-feira por suspeita de agredir um casal de homossexuais, na Rua Augusta, na região central de São Paulo. Segundo a Polícia Militar, os suspeitos - três homens e uma mulher - atacaram os dois porque eles se beijavam no bar.

Vítimas foram agredidas na cabeça com uma mochila e outros objetos que não souberam descreverReprodução Internet

Com os suspeitos foram apreendidos facas, canivetes e uma espécie de marreta feita de madeira com pregos e parafusos. Eles foram levados para o 78º Distrito Policial, nos Jardins. As vítimas, de 23 e 35 anos, sofreram agressões na cabeça, mas passam bem.

Durante as agressões, os criminosos ofenderam o casal e gritaram frases de ódio. As vítimas foram agredidas na cabeça com uma mochila e outros objetos que não souberam descrever.

Últimas de _legado_Brasil