Por bianca.lobianco
Brasília - O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira por unanimidade parecer favorável à cassação do deputado Natan Donadon (sem partido-RO). Donadon poderá recorrer no prazo de cinco dias a partir do dia 3 de dezembro.
Os integrantes do conselho seguiram o parecer do deputado José Carlos Araújo (PSD-BA), que argumentou na representação que houve quebra de decoro porque Donadon, condenado criminalmente a mais de 13 anos de prisão, votou contra sua própria cassação.
Publicidade
O relator argumentou ainda que Donadon maculou a imagem da Câmara dos Deputados ao ter sido algemado e transportado da Penitenciária da Papuda (DF) em um camburão.