Reginaldo Rossi apresenta melhora mas continua na UTI

Cantor passou pela terceira sessão de quimioterapia desde que descobriu o câncer no pulmão

Por O Dia

Recife - O cantor Reinaldo Rossi, 69 anos, apresentou melhora de seu quadro clínico nesta sexta-feira. Segundo o boletim médico do Hospital Memorial São José, no Recife, a pressão arterial do artista foi controlada. Ele foi diagnosticado na quarta-feira com com câncer no pulmão e continua na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Reginaldo Rossi continua em observação.Reprodução Internet

Rossi realizou, nesta sexta, a terceira sessão de quimioterapia. Ele também recebe sessões diárias de hemodiálise. Os médicos que cuidam do cantor recifense concederam uma entrevista coletiva na tarde de quinta-feira. O pneumologista Murilo Guimarães disse que o tipo de câncer que Reginaldo tem é um dos que responde melhor aos medicamentos, embora seja também um dos que mais se multiplica.

Não podemos prever como a doença vai evoluir. Em UTI não se planeja um dia, planejamos uma hora", explicou o especialista. O oncologista Iran Costa informou que depois da resposta ruim de Rossi à primeira sessão, na quarta, a medicação foi adaptada.

"Ninguém pode prever o que vai acontecer nas próximas 12 ou 24 horas, mas a expectativa é que ele continue melhorando. Ele continua um paciente grave. Ninguém que está na UTI não está em risco de vida", pontuou o médico Murilo Guimarães.

'Rei do brega'

Conhecido como "Rei do Brega", Reginaldo Rossi nasceu em 1944 no Recife, Pernambuco. O cantor e compositor iniciou sua carreira em 1964 e teve como inspiração os Beatles. Alguns de seus maiores sucessos são "Garçom", "Em plena lua de mel", "Leviana" e "A raposa e as uvas".