Por tamara.coimbra

Distrito Federal - Um casal será indenizado pelo Distrito Federal pela troca de bebês recém-nascidos ocorrida em 2008 na maternidade do Hospital Regional de Sobradinho. A decisão foi da 3ª Turma Cível do TJ-DFT (Tribunal de Justiça do Distrito Federal).

O erro foi descoberto quando uma das mães constatou que a pulseira de identificação do recém-nascido não possuía o nome de seu filho. A outra mãe foi avisada através da polícia e compareceu ao hospital para realizar o exame de DNA. Com o resultado foi comprovado as trocas, e o erro foi corrigido.

O relator do caso na decisão entendeu que ficou evidente que houve má prestação do serviço público, bem como a ocorrência do dano dos autores. Além disso, o próprio réu admitiu a troca.

Você pode gostar