Por tamara.coimbra

Goiás - A Polícia Civil de Goiás prendeu nesta quinta-feira quatro suspeitos de terem abusado sexualmente de uma menina de 9 anos, em Indiara, a 100 km de Goiânia. De acordo com a polícia, o caso começou a ser investigado após a mãe ler o diário da criança e descobrir os abusos.

Avô materno%2C o marido da avó materna e padrinhos abusaram de uma criança%2C de 9 anos%2C em GoiásReprodução / TV Anhanguera

O crime era cometido pelo avô materno da menor, o marido da avó materna, o padrinho da garota e o padrinho da irmã dela. O caderno será utilizado pela polícia como prova. Nele a menor relata que os atos começaram quando ela era pequena, e na época não entendia o que acontecia. Além disso, nas folhas a menina descreve o que cada um fazia.

O delegado do caso, Queops Barreto disse que três dos quatro presos confessaram o crime e um deles ficou calado. Com o exame de corpo de delito, houve a confirmação que não ocorreu relação sexual, porém todos serão indiciados pelo crime de estupro de vulnerável e podem pegar de 8 a 15 anos de prisão.

A criança foi avaliada por uma psicóloga que constatou um trauma por causa da experiência sexual anormal.

Você pode gostar