Morte de Eduardo Campos em acidente aéreo repercute nas redes sociais

Michel Temer, vice-presidente da República, disse estar 'chocado' com a tragédia. Acompanhe outras reações

Por O Dia

São Paulo - Logo após a confirmação da morte do candidato à presidência da República, Eduardo Campos, num acidente aéreo em Santos (SP), na manhã desta quarta-feira, diversos políticos utilizaram as redes sociais para lamentar a tragédia. O vice-presidente da República, Michel Temer, através de uma nota oficial afirmou que "Eduardo Campos era um político de princípios e valores herdados de sua família e levados com dignidade e honra por toda sua trajetória no Parlamento e no Executivo. Assim como todo o país, estou chocado com esse acidente e com as perdas para amigos e familiares. Que Deus dê conforto a seus filhos, a sua mãe, familiares e a tantos admiradores que deixou órfãos neste triste dia".

GALERIAS:

Relembre a trajetória de Eduardo Campos

Veja imagens do acidente

Já o deputado federal Mário Heringer (PDT/MG), declarou: "Descanse em paz! Perda sentida pelo Brasil agora é irreversível mas com sua história o Brasil mudará!". O também deputado federal Jean Wyllys (PSOL/RJ) comentou na rede social sobre a morte de Eduardo Campos. "Chocado com o acidente que vitimou Eduardo Campos. Um acidente em que morreram também outras pessoas! Meus pêsames às famílias!"

Através do Twitter, o candidato à presidência da Repúplica Aécio Neves (PSDB) cancelou sua agenda desta quarta-feira e também lamentou a morte de Campos. "A perda é irreparável e incompreensível. Nesse momento, minha família e eu nos unimos em oração à família de Eduardo".

Últimas de _legado_Brasil