Criança sai do coma e indica seu agressor

De acordo com a criança, um homem bateu na porta da casa onde ela mora para pedir um copo de água e tentou estuprá-la

Por O Dia

São Paulo - Uma menina de dez anos, que havia sido internada após receber uma paulada, saiu do estado de coma e entregou o agressor. De acordo com a criança, um homem bateu na porta da casa onde ela mora, em Pilar do Sul, em São Paulor, no dia 30 de agosto, para pedir um copo de água e tentou estuprá-la. Porém, o cão da família mordeu o criminoso e impediu o abuso sexual.

O bandido, identificado como João Machado Rodrigues, de 42 anos, foi libertado no dia 22 de julho do Hospital de Custódia e Tratamento Psiquiátrico de Franco da Rocha. Ele foi reconhecido por testemunhas, que o viram próximo da casa quando a menina saiu pedindo socorro, com a cabeça sangrando. Porém, ela perdeu os sentidos e, inicialmente, a suspeita era de que ela teria sofrido uma queda. Ao ser preso, o suspeito tinha as marcas do ataque do cão. Acusado de estupro de vulnerável, pois agarrou a menina, e tentativa de homicídio, ele teve a prisão temporária decretada.

Últimas de _legado_Brasil