STF envia caso de Clésio a Minas

Envolvido no Mensalão Tucano será julgado pela primeira instância

Por O Dia

Brasília - A 1ª Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) determinou o envio imediato à Justiça estadual de Minas Gerais da ação contra o ex-senador Clésio Andrade (PMDB-MG), acusado de participar do esquema de desvio de dinheiro do governo de Minas Gerais para a campanha pela reeleição, em 1998, do então governador Eduardo Azeredo, do PSD. O caso ficou conhecido como o “Mensalão Tucano”.

Clésio Andrade, que era candidato a vice na chapa de Azeredo, é acusado de peculato e lavagem de dinheiro por tentar ocultar recursos recebidos do publicitário Marcos Valério. Clésio e Azeredo foram derrotados e depois se elegeram senador e deputado, respectivamente.

Por isso, tinham foro privilegiado e deveriam ser julgados pelo Supremo. Mas renunciaram a seus mandatos, e o Tribunal entendeu que os processos deveriam voltar à primeira instância.

Últimas de _legado_Brasil