Por victor.duarte

Brasília - A Oi e a Telecomunicações e Engenharia Ltda. (Telenge) foram condenadas a pagar uma indenização de R$ 5 mil a um funcionário que se sentiu assediado moralmente porque a empresa fixou várias vezes, em mural, os "dez mandamentos da telefonia".

Entre os mandamentos listados pela telefônica estavam: não terás vida pessoal, familiar ou sentimental; não verás teu filho crescer; não terás feriado, fins de semana ou qualquer outro tipo de folga; a pressa será teu único amigo; as tuas refeições principais serão os lanches, as pizzas e o china in box; dormir será considerado período de folga, logo, não dormirás.

Segundo o funcionário contratado pela Telenge para prestar serviços à Brasil Telecom S.A. (hoje Oi), um email impresso com os "mandamentos da telefonia" foi afixado no mural do ambiente de trabalho frequentemente durante os dois anos e meio de contrato.

Embora a Oi tenha negado a prática, os fatos narrados pelo empregado foram ratificados por testemunhas. A Telenge, por sua vez, alegou que se tratava de "uma piada, uma história, não para ofender os funcionários e, sim, para a empresa ter um clima de descontração e amizade".

*Com informações da assessoria do TST

Você pode gostar