Duas mulheres são presas com 52 kg de maconha em estação de trem de SP

Elas são traficantes sacoleiras que realizam compras no atacado de drogas na cidade para vender no varejo no interior

Por O Dia

São Paulo - Duas mulheres foram presas por policiais civis do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) com cerca de 52 quilos (kg) de maconha. A prisão foi feita na estação de trem de Guaianases, em São Paulo.

Bruna Regina dos Santos, de 23 anos, e Luara Benevides Henrique, de 30, são conhecidas como traficantes sacoleiras por realizarem compras no atacado de drogas na cidade de São Paulo, para vender no varejo no interior do Estado.

A droga estava escondida em três malas de viagem e tinha como destino São José dos Campos, no Vale do Paraíba. As investigações começaram quando a polícia descobriu um sítio que servia como refinaria de drogas, principalmente cocaína, em Embu (SP). As mulheres foram autuadas por associação ao tráfico de drogas.

Duas mulheres são presas com 52 kg de maconha em estação de trem de São PauloDivulgação / Polícia Civil de São Paulo


Últimas de _legado_Brasil