Ministro da Comunicação Social Thomas Traumann pede demissão

Traumann é o terceiro ministro a entregar o cargo durante o segundo mandato de Dilma. Presidente agradeceu dedicação

Por O Dia

Brasília - O ministro da Comunicação Social, Thomas Traumann, entregou pedido de demissão à presidente Dilma Rousseff, que aceitou, segundo informação da Secretaria de Imprensa da Presidência da República. Traumann é o terceiro ministro a entregar o cargo durante o segundo mandato de Dilma. Além dele, Cid Gomes (Educação) e Marcelo Néri (Secretaria de Assuntos Estratégicos) também deixaram o cargo.

Thomas Traumann é o terceiro ministro a pedir demissão no segundo mandato de Dilma RousseffReuters

Em nota oficial divulgada pelo Palácio do Planalto, não é informado quem assumirá a pasta e nem o motivo da demissão.

Leia abaixo a íntegra:

NOTA OFICIAL

A presidenta Dilma Rousseff aceitou hoje, 25, o pedido de demissão do ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social, Thomas Traumann.

A presidenta agradeceu a competência, dedicação e lealdade de Traumann no período como ministro e porta-voz.

Secretaria de Imprensa
Presidência da República

Últimas de _legado_Brasil