Clarissa Garotinho negocia com o PSDB

Disposta a deixar PR, filha do ex-governador do Rio de Janeiro Anthony Garotinho é cortejada também pelo PSB

Por O Dia

Rio - Segunda deputada federal mais votada do Rio de Janeiro, Clarissa Garotinho pode trocar o PR, partido de seu pai, o ex-governador Anthony Garotinho, pelo PSDB, do senador e candidato derrotado à Presidência em 2014 Aécio Neves (MG). Para evitar riscos de perder o mandato, se mudar de legenda, ela trabalha com a aprovação de adoção da chamada “janela de transferência”.

A proposta é discutida no projeto de reforma política na Câmara dos Deputados. Ela permitira, por período curto, a troca de partido um ano antes das eleições. Ontem, Clarissa não quis comentar a possibilidade de mudança, que encheu os olhos da cúpula dom PSDB.

Clarissa Garotinho estuda se filiar ao PSDB do candidato derrotado à Presidência e senador Aécio NevesDivulgação

Dona de capital político expresso nos 335 mil votos para a Câmara e cotada para disputar as eleições municipais de 2016, a deputada é tratada como nome que pode devolver força ao PSDB fluminense. Ela é cortejada também pelo PPS e pelo PSB, partidos que estudam se fundir em breve.

Principal partido de oposição ao governo Dilma Rousseff, o PSDB surfa na onda antipetista e vê na deputada o nome ideal para transformar a insatisfação generalizada em ganho eleitoral. Em 2014, o partido elegeu apenas Otávio Leite como deputado federal, e Luiz Paulo e Lucinha, como deputados estaduais.

Na avaliação de caciques tucanos, que também evitam falar abertamente para não atrapalhar as negociações, a saída de Clarissa do PR seria oportunidade para descolar sua ação política do pai, Anthony Garotinho, candidato derrotado ao governo estadual em 2014.

As conversas são antigas, travadas pela direção nacional, mas ainda não há nenhuma decisão sobre como e quando Clarissa iria para o PSDB. Apesar de contar com a aprovação dos principais líderes da legenda, não se debateu internamente ainda se ela sairia candidata à prefeitura do Rio pelo partido

Foto com Aécio bomba

No dia 16 de abril, Clarissa postou uma foto ao lado do senador Aécio Neves, presidente do PSDB, no Facebook. A imagem, registro de um debate sobre reforma política realizado no Congresso, gerou grande repercussão entre os eleitores da deputada: a maioria elogiou o encontro, mas houve também quem criticasse a parlamentar.

Em poucos meses de Brasília, Clarissa vem se destacando como presidenta da Comissão de Viação e Transportes da Câmara. Menos para o PR: o partido, que faz parte da base aliada de Dilma, a retirou da propaganda na TV depois que ela votou contra o ajuste fiscal do governo.

.

Últimas de _legado_Brasil