Google é multado em R$ 50 mil por não retirar imagens de cantor morto

As imagens do corpo do sertanejo Cristiano Araújo foram feitas em uma clínica, em Goiânia, antes do sepultamento

Por O Dia

Goiás - A Justiça de Goiás determinou que o Google pague multa no valor de R$ 50 mil por ainda manter na internet imagens do corpo de Cristiano Araújo, 29 anos, morto em acidente de carro na BR-153, em Goiás, no dia 24 de junho. A juíza Denise Gondim de Mendonça, da 5ª Vara Cível de Goiânia, analisou e negou recurso feito pelo Google no processo que determinou a retirada da internet das imagens do corpo do músico sertanejo. O Google vai recorrer da decisão da Justiça.

Imagens do corpo de Cristiano Araújo foram divulgadas na internet Reprodução Internet

A empresa entrou com um embargo de declaração, ou seja, um pedido de esclarecimento em relação à decisão judicial, divulgada no último dia 25, que determinou a exclusão imediata das imagens. Além de negar o recurso, a juíza estabeleceu multa de R$ 50 mil “pela má fé praticada”, já que algumas imagens ainda podem ser encontradas pelo site de buscas do Google. O vídeo em circulação nas redes sociais mostra o momento em que o sertanejo era preparado para o enterro.

Cristiano Araújo e a namorada, Allana Moraes, de 19 anos, morreram após o carro em que estavam capotar, quando voltavam de um show em Itumbiara, no sul de Goiás. O empresário Victor Leonardo e o motorista do cantor, Ronaldo Miranda, se feriram no acidente, mas já tiveram alta médica.

As imagens do corpo do sertanejo foram feitas em uma clínica, em Goiânia, antes do sepultamento. Em uma das fotos, Cristiano Araújo aparece com hematomas no rosto e, na outra, ele está com o terno que vestia quando foi enterrado. Já o vídeo mostra o processo de preparação do corpo.

Últimas de _legado_Brasil