Por marcelle.bappersi

Piauí -  Um homem foi preso, na madrugada desta sábado, acusado de ameaçar uma vendedora ambulante no Parque Nina Alencar, em Campo Maior, Piauí. De acordo a Polícia Civil, Renato Lima Porto se identificou como vereador da cidade Lagoa do Mato, no Maranhão, para tentar evitar a prisão.

Segundo o site PortalODia, a PM informou que o suspeito estava lanchando em dos quiosques da festa. Ao terminar, a dona da barraquinha foi cobrar-lo. Na hora ele puxou a arma da cintura e ameaçou a mulher. A polícia estava no local e efetuou a prisão.

Renato Lima se identificou como vereador para evitar prisãoReprodução

Na delegacia, policiais constataram que a identidade funcional que Renato usava era falsa, e que ele não era parlamentar municipal. Renato Lima Porto é filho do prefeito da cidade, Mario Porto (PTB).

O acusado será autuado por falsidade ideológica, porte ilegal de armas e ameaça.

Você pode gostar