Por gabriela.mattos

Brasília - O presidente da Câmara, Eduardo Cunha, arquivou nesta quarta-feira três pedidos de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff, alegando questões formais. No início da semana, Cunha antecipou que os arquivamentos são relativos aos primeiros pedidos apresentados.

Segundo ele, mesmo depois de solicitar informações e documentos adicionais, alguns dos autores dos pedidos não cumpriram as exigências formais para que sejam aceitos pela Casa. O indeferimento deve ser publicado no Diário Oficial da Câmara até amanhã.

Com a decisão de Cunha, já chega a nove o número de pedidos de impeachment contra Dilma Rousseff arquivados pela Câmara. Sobre a mesa do peemedebista ainda existem outros dez pedidos semelhantes, entre eles o elaborado por Hélio Bicudo, um dos fundadores do PT, e pelo ex-ministro da gestão FHC Miguel Reale Júnior. 

Você pode gostar