Letícia Sabatella entra em campanha e revela primeiro assédio aos 12 anos

Coletivo Think Olga promove #meuprimeiroassédio para incentivar mulheres a denunciarem violência e abusos

Por O Dia

Rio - A atriz Letícia Sabatella entrou na campanha virtual #meuprimeiroassédio e revelou ter sido assediada sexualmente aos 12 anos. O desabafo foi feito em seu perfil no Facebook. "Coração a mil, um nojo daquilo", falou a atriz sobre o momento em que foi abordada por um homem em uma rua deserta.

A campanha foi criada pelo coletivo "Think Olga" depois de uma participante do "MasterChef Júnior" ser assediada após sua estreia no programa.

Letícia Sabatella desabafou sobre assédio Divulgação

O coletivo criou a campanha para incentivar mulheres a denunciarem abusos e mostrar que uma quantidade gigantesca delas sofreu o primeiro ainda na infância.

"Eu devia ter 12 anos. Voltava de ônibus da aula de Ballet. Descia na rua da minha casa, umas duas grandes quadras antes, acostumada a esse caminho. A rua deserta e larga (...)", contou Letícia.

Em seguida ela conta que um homem em um carro pediu informações e disse não estar escutando o que ela dizia.

"Eu falei mais alto e, de algum modo ele fez com que eu me aproximasse do carro para que ele conseguisse 'ouvir e entender' direito. Foi então que percebi seus olhos verdes avermelhados e estatelados, um pau gigantesco em suas mãos, o olhar doente e pessimamente intencionado", disse a atriz.

Letícia revelou que só conseguiu se livrar do homem porque viu um tijolo de construção.

"Eu o vi descer a rua ao longe, virar o carro e ainda voltar na minha direção, passando novamente pelo ponto onde eu o ameaçava com meu olhar fixo em seus movimentos, o tijolo na mão", disse. "Quando o vi desaparecer da minha vista, corri até minha casa, coração a mil, um nojo daquilo, a minha forma de medo. A gratidão pelo tijolo da construção", completou.

Últimas de _legado_Brasil