Por felipe.martins

Rio -  Durante discurso no Recife, a presidente Dilma analisou nesta quinta-feira a crise econômica do país e considerou o panorama grave. Mais uma vez, a presidente relacionou a situação nacional com o cenário internacional, considerado por ela crítico. “Nós estamos, neste ano que passou, 2015, e agora nesse início de 2016, enfrentando grandes desafios e enfrentando também uma situação bastante instável no mundo. O mundo hoje passa também por um momento crítico”, avaliou. “O nosso objetivo é reequilibrar o orçamento do país, reduzir a inflação e reconstruir a capacidade de investimento público e privados”, continuou Dilma.

A presidente apresentou também suas expectativas para os próximos meses. “Estou confiante de que, neste ano, nós vamos lançar a terceira fase do Minha Casa, Minha Vida e, com isso, a ajudar milhões de pessoas. Também vamos fazer concessões e continuar apoiando iniciativas de segurança hídrica em relação à seca”, acrescentou Dilma Rousseff. 

ZELOTES

O juiz Vallisney de Souza começa hoje a tomar depoimentos de testemunhas indicadas pelos presos na Operações Zelotes. A presidente Dilma é uma das testemunhas. A operação investiga a manipulação de julgamentos do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) e suposta compra de medidas provisórias.

Você pode gostar