Por tamyres.matos
Operadoras de telefonia estão apostando em modelos de pagamento via smartphone, dispensando o uso de cartão magnético ou dinheiro no bolso. A Oi, por exemplo, lançou o Oi Carteira, que é pré-pago com boleto ou em agências Banco do Brasil (BB). Com a carga, com limite até R$ 3 mil, compras são executadas via torpedo SMS quando se estiver na loja.
Objetivo é substituir os tradicionais cartões magnéticos e o dinheiroAgência O Dia

A novidade dá ao consumidor o poder de diversas transações: compras em estabelecimentos com Cielo, recargas de minutos para o pré-pago Oi e transferência de dinheiro para outros clientes do serviço. Além disso, quem quiser sacar o dinheiro pode recorrer aos terminais BB.

Tanto as compras como o monitoramento desse crédito são feitos por mensagem de texto. A contratação desse serviço também não é condicionada à comprovação de renda, nem à aprovação de crédito. A tarifa, de R$ 8, é revertida integralmente em bônus em minutos para ligações de celulares pré-pagos Oi para outros celulares da mesma operadora e para fixos. O Oi Carteira está sendo habilitado aos poucos para os clientes.
Publicidade
“É uma solução para quem precisa pagar prestadores de serviços à distância ou mandar dinheiro para parentes que moram longe”, afirma o diretor de Segmentos da Oi, Eduardo Aspesi.
Empresas apostam em parcerias com instituições para esse modelo
Publicidade
A Vivo e a MasterCard lançam amanhã o pagamento móvel via celular, similar ao da Oi. Por meio de um aparelho pré-pago Vivo, o cliente digita *789# e faz cadastro em um passo-a-passo. Com isso, basta ir à lojas Vivo, lotéricas ou bancas de jornal para depositar o dinheiro. Lojas credenciadas com MasterCard aceitam essa novidade.
A TIM e a Caixa Econômica Federal também firmaram parceria para entrar no mercado de pagamento móvel. O resultado, porém, só será lançado a partir de julho. A operadora informa que a conta pré-paga virtual vai permitir que o cliente TIM faça compras, entre outras transações financeiras. A gestão da conta será feita pela Caixa e as compras podem ser feitas em lojas que aceitam MasterCard.
Publicidade
A Claro, por sua vez, não está com serviços de pagamento móvel. No entanto, tem parceria com o Bradesco Celular via SMS. Pelo serviço, é possível consultar saldo, últimos lançamentos da conta corrente e fazer recargas pelo celular.