Por bferreira

Rio - A operadora de saúde Amil vai descontar valor acima do contratado de parte de seus 65 mil assegurados ligados ao Previ-Rio (Instituto de Previdência e Assistência do Município do Rio). A falha foi identificada durante a fase de fechamento dos contracheques que serão entregues em junho. Responsável pelos comprovantes de 140 mil funcionários, entre ativos e inativos, o Previ-Rio alertou a operadora. A Amil assumiu o erro sem especificar quantos servidores foram prejudicados.

A Coluna apurou que o desconto acima do autorizado ocorreu nos planos de modalidade superior ou com inclusão de dependentes. Para os assegurados com pacote básico (desconto de 2% nos rendimentos), nenhuma irregularidade teria sido identificada. A empresa tem 43 mil servidores assegurados ligados ao Previ-Rio, grupo com 22 mil dependentes. Assim o total vai a 65 mil.

Você pode gostar