Por bferreira
Rio - Na busca pela aprovação no concurso público dos sonhos, cada vez mais candidatos recorrem ao treinamento personalizado, oferecido por professores particulares e cursos preparatórios. A proposta do serviço é otimizar os estudos, com orientações que vão desde a escolha do concurso, a montagem do cronograma da preparação e até mesmo o desenvolvimento de uma atitude emocional que colabore na hora da prova.
Para o professor Alberto Almeida%2C o papel do treinador é ajudar o candidato a compreender as particularidades do processo de aprovaçãoDivulgação

Especialista do Instituto de Otimização da Mente (IOM), Juarez Lopes acredita que o aumento da procura por esse tipo de serviço se deve ao fato de que os candidatos investem muito na preparação e, portanto, desejam conquistar a aprovação o mais rápido possível. “Todo o processo sai muito caro para o candidato, que investe em cursos, livros e apostilas. Se houver um planejamento errado, pode demorar mais e os gastos acabam aumentando”.

De acordo com Alberto Almeida, treinador para concursos públicos, a procura maior é por pessoas que já vêm estudando há pelo menos dois anos. “O candidato percebe que está faltando alguma coisa para a aprovação e entende que só conhecimento não basta”. O especialista explica, ainda, que, se o candidato considerar os aspectos comportamentais, pode reduzir muito o tempo de aprovação.

Mesmo o aluno que optou por um curso preparatório deve buscar ajuda dos professores com relação aos estudos e a prova. “Essa orientação é muito importante. O candidato aprende mais numa conversa com o professor do que na sala de aula”, diz Marcello Bolzan, diretor do Instituto de Desenvolvimento e Estudos do Governo (Ideg).
Publicidade
Treinador ajuda na preparação emocional
Além de orientar os candidatos com relação aos estudos, os treinadores também ajudam nas questões emocionais. Candidato à seleção para o Itamaraty, Luter Angelo de Souza, 32 anos, diz que apoio moral é importante para a aprovação. Gilberto Vieira, 56, concorda. Ele está se preparando para o concurso do Banco Central e conta que a orientação ajuda a otimizar o tempo de estudo. “Hoje, consigo perceber meus erros e consertá-los”, diz.
Publicidade
Alberto Almeida, porém, esclarece que o treinador não é psicólogo. “Essa é uma atividade de orientação educacional, na qual o treinador precisa ter a formação adequada para compreender as questões emocionais do candidato e orientá-lo de forma correta”.
Propostas do treinamento
Publicidade
Ajudar a aumentar a velocidade e o nível de compreensão da leitura dos textos, o que otimiza o tempo gasto na solução das questões da prova e possibilita, inclusive, que sobre tempo para revisão das respostas.
Administrar com eficácia o tempo de estudo, por meio da montagem de um cronograma.
Publicidade
Organizar o conteúdo programático em pastas cerebrais, o que possibilita o acesso às informações memorizadas, quando estas se fizerem necessárias.
Motivar o candidato a estudar não para passar nos concursos, mas até passar na seleção que ele almeja.
Publicidade
Publicidade< "itemListElement":[{ "@type": "ListItem", "position": 1, "item": { "@id": "https://odia.ig.com.br/", "name": "Home" } },{ "@type": "ListItem", "position": 2, "item": { "@id": "https://odia.ig.com.br/legado-noticia", "name": "_legado_Notícia" } },{ "@type": "ListItem", "position": 3, "item": { "@id": "https://odia.ig.com.br/legado-noticia/-legado-economia", "name": "_legado_Economia" } } ,{ "@type": "ListItem", "position": 4, "item": { "@id": "https://odia.ig.com.br/noticia/economia/2013-06-03/treinadores-de-candidatos.html", "name": "Treinadores de candidatos" } }] }
Matéria Salva!

Agora você pode ler esta notícia off-line

Matéria removida da seção links salvos
Voltar a lista de planos

Endereço

Que pena! Ainda não é possivel realizar a entrega do jornal O Dia em seu endereço. Se preferir, você pode voltar e escolher nosso plano de acesso digital.

Pagamento