Bancários do Rio entram em greve a partir desta quinta-feira

Durante paralisação, cliente pode usar caixa eletrônico e internet para pagar as contas

Por O Dia

Rio - Os bancários do Rio confirmaram ontem, em assembleia, o início da greve a partir da zero hora. A paralisação nacional é por tempo indeterminado. Os trabalhadores vão jogar peso no movimento, principalmente, nas agências do Centro da cidade. Eles reivindicam reajuste de 11,93% (5% de aumento real e mais 6,6% de reposição da inflação estimada), além de outros benefícios financeiros e trabalhistas. Já a Federação Nacional de Bancos (Fenaban), segundo o comando de greve, ofereceu contraproposta de 6,1% de correção salarial. O índice foi rejeitado pelas assembleias promovidas em todo o país.

“A negociação não avançou e acho que somente a paralisação fará os banqueiros analisarem de fato as nossas reivindicações”, afirmou o presidente do Sindicato dos Bancários do Rio, Almir Aguiar.

CANAIS ALTERNATIVOS

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) informou que a população tem à disposição uma série de canais alternativos para fazer transações financeiras, mesmo durante a greve. Os bancos oferecem aos clientes opções como caixas eletrônicos, internet banking, aplicativo no celular (mobile banking), operações por telefone. As contas também podem ser pagas em correspondentes bancários, como lotéricas, agências dos Correios, redes de supermercados e outros estabelecimentos comerciais credenciados.

A produtora de eventos, Paula Garcia, de 32 anos, diz que usa muito os serviços bancários. “Estou sempre indo aos bancos. Vou aproveitar para fazer o depósito hoje (ontem) mesmo e não ser prejudicada pela greve”, afirmou.

Alternativas de pagamento

A Light tem como opções débito em conta, o site (www.light.com.br) para clientes do bancos do Brasil, Bradesco e Itaú, e postos da empresa que aceitam pagamento com cartão de débito.

Na Cedae, as contas podem ser pagas pelos sites dos bancos, em caixas eletrônicos e nas casas lotéricas.

Na Oi, as contas devem ser impressas no www.oi.com.br e pagas nos caixas eletrônicos.

A TIM informou que além das casas lotéricas o cliente pode pagar conta via cartão de crédito.

Na Vivo, a fatura deve ser paga nos sites dos bancos, caixas eletrônicos, telefone e lotéricas.

Últimas de _legado_Economia