Educação financeira de A a Z

Especialista usa o alfabeto para ensinar de forma simples como administrar a renda

Por O Dia

Rio - Saber administrar os seus ganhos, poupar e investir parte da renda nem sempre são tarefas fáceis para o assalariado. A falta de disciplina e controle do que recebe no fim do mês podem levar ao endividamento. Para combater essas dificuldades a coordenadora do Investmania, Aline Rabelo criou um abecedário financeiro com 26 dicas para as pessoas de como gastar e economizar de forma consciente seu dinheiro. Usando as letras do alfabeto, ela mostra formas simples e de fácil entendimento.

Educação financeira de A a ZArte%3A Nei Lima

Ela diz que o ‘a’ é de ‘atitude’. Ou seja, enfrentar as dificuldades financeiras de cabeça erguida e com disciplina. O ‘b’ é de ‘busca’ de informações antes de tomar uma decisão de investimento. Já o ‘c’ é a ação da ‘colocar’ as contas atrasadas em dia e ‘começar’ a diminuir as despesas supérfluas.

Através do site (www.investmania.com.br), a coordenadora do Investmania, Aline Rabelo ensina de A a Z como controlar suas finanças. “São os passos iniciais para quem deseja organizar o seu orçamento e começar a poupar para a concretização de um sonho de consumo ou para formar uma reserva para o futuro”, recomenda.

ALFABETO DAS FINANÇAS

A – Atitude. Enfrente as dificuldades financeiras de cabeça erguida e com disciplina

B – Busque informações antes de tomar uma decisão de investimento

C – Coloque as contas atrasadas em dia. Comece diminuindo as despesas supérfluas

D – Diversifique na hora de investir. Como diz o sábio ditado, não deposite todos os ovos na mesma cesta

E – Elabore um planejamento de suas finanças. Coloque todas as suas despesas na ponta do lápis

F – Fuja de linhas de financiamento com taxas abusivas

G – Garanta o seu futuro, poupança é essencial para quem deseja realizar sonhos de consumo ou formar uma reserva para o amanhã

H – Hoje será sempre o dia certo para começar a poupar

I – Invista na sua educação financeira e na de seus filhos

J – Jamais faça um investimento às escuras ou levando em consideração opiniões de pessoas não preparadas e notícias sem fundamento

K – Know-how na hora de investir só se adquire com a experiência, com erros e acertos

L – Limpe seu nome e recupere a autoestima

M – Mantenha o controle emocional, evite compras por impulso

N – Negocie as dívidas com o banco. É possível encontrar condições satisfatórias, principalmente, se o pagamento for à vista. Que tal aproveitar o 13.o salário, para quitar os débitos em atraso e começar o ano no azul?

O – Observe as tendências de mercado, estude as taxas de juros, os cenários e a rentabilidade possível de auferir antes de investir neste ou naquele produto

P – Pesquise preços antes de comprar, principalmente, em datas comemorativas como o Natal, Dia das Crianças, Dia das Mães, dentre outros

Q – Quebre as amarras das dívidas. Conquiste a independência financeira

R – Respeite o limite do seu orçamento, não gaste mais que a sua renda mensal permite

S – Saia do vermelho (e não volte mais!)

T – Tente sempre novas possibilidades na hora de investir. Que tal uma LCI ou uma LCA, agora que estamos em um cenário de alta das taxas de juros?

U – Use sempre o dinheiro com consciência

V – Vença o medo de investir em ações. No longo prazo, o investimento em renda variável tende a ser mais rentável do que a renda fixa

X – Xeque-mate. O investimento certo é aquele adequado ao seu perfil e apetite por riscos, e, sobretudo, aos seus objetivos

Y – Yes! O mercado de ações tem boas opções de investimentos, mesmo em um cenário econômico de incertezas. Procure por empresas sólidas, com governança corporativa transparente e boa pagadora de dividendos

W – Web sites e redes sociais podem ser bons aliados na busca por informações sobre o mercado de investimentos. O Investmania é um bom exemplo

Z – Zelo. Seja zeloso com os seus investimentos. Acompanhe a rentabilidade e o mercado com muita atenção e, se tiver dúvidas, pergunte!

Últimas de _legado_Economia