Por bferreira

Rio - Poupar parte da renda mensal, fazer aplicações e evitar o endividamento. Práticas relativamente simples para uns, mas complicada para outros. Para ajudar quem tem essa dificuldade, uma nova figura surge, para auxiliar o brasileiro a cuidar mais da vida financeira e, muitas vezes, sair do vermelho. Trata-se do personal ou planejador financeiro, que faz um diagnóstico da situação econômica da pessoa, avalia o orçamento, aponta erros e indica meios de se livrar das dívidas, além de investimentos para fazer o dinheiro render mais.

Especialista em Finanças,Sandra Blanco, no entanto, orienta que o ideal é procurar esse profissional antes de estar com a “faca no pescoço”. “O brasileiro ainda não tem a cultura de contratar um educador financeiro, mas isso está mudando”, conta a economista, indicando o site do Instituto Brasileiro de Certificação de Profissionais Financeiros (IBCPF) para pesquisar um profissional qualificado.

Sobre as dicas básicas para gerir finanças, Sandra aconselha ter disciplina, objetivo e planejamento. “Tem que por no papel seus gastos mensais e não esperar sobrar dinheiro para aplicar. Investimento é como uma conta a ser paga no fim do mês”, diz.

Atualmente também há eventos sobre finanças onde os interessados podem obter uma consultoria financeira gratuita. É o caso da 10ª Expo Money, que amanhã e quinta-feria no Centro de Convenções SulAmerica, na Cidade Nova. O evento será das 13h às 22h. Mais informações sobre a programação e palestras: www.expomoney.com.br.

Você pode gostar