Por tamyres.matos

Rio - Pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) informa que 16,5 milhões de pessoas vão às compras no Brasil até o fim do ano. De hoje até a véspera do Natal, dia 24, elas irão em busca dos presentes que deixaram para última hora. A partir do dia 26 estes consumidores aproveitarão os saldões que prometem descontos de até 70% nos produtos.

Via Parque, Bangu Shopping e Grande Rio anunciaram queima de estoque com ofertas de até 70%. “Serão mais de 600 lojas com promoções de eletrônicos, itens de vestuário e perfumaria, roupas de cama, mesa e banho, e outros produtos”, disse Carlos Fernando Carvalho, diretor regional do Grupo Aliansce, que administra os três empreendimentos.

Para que a maratona de compras não termine com consumidores endividados e com o nome sujo, o SPC elaborou sete dicas que podem evitar problemas financeiros. “A primeira sugestão é que o cliente tenha em mente o que pretende comprar e estabeleça um valor máximo de gasto”, disse Flávio Borges, gerente financeiro do órgão de proteção.

Fernanda Coutinho (d) estipulou um valor para cada produto que vai comprar e para evitar o estresse visita até duas lojas por diaMaíra Coelho / Agência O Dia

Ele ressalta que o consumidor pode definir faixas de preços para cada presente e priorizar as compras à vista para negociar desconto. “Além disso, também pode fugir dos congestionamentos e da dificuldade de encontrar vagas em estacionamentos utilizando transporte público ou táxi”, disse.

Porém, caso opte pelos shoppings, ele deve aproveitar os horários de menor fluxo, entre 10h e 11h, ou no início da tarde, entre 14h e 15h. Se comprar pela Internet, deve se ater ao prazo de entrega informado.

E para quem não conseguir comprar nesta época, a recomendação de Borges é que se aproveite as liquidações de janeiro, quando os saldões são mais comuns no varejo.

Profissional da área financeira, a bancária Fernanda Coutinho, 29, já conhecia algumas das dicas que o SPC repassou. Para evitar o endividamento, ela estipulou um valor para as compras, além de visitar até duas lojas por dia para pesquisar, negociar e fechar o pedido sem qualquer estresse.

A assistente de compras Rúbia Velasco, 37, resolveu este ano comprar todos os itens na primeira quinzena de dezembro. “Quis escapar da rotina de quem deixa tudo para a última hora”, disse, complementando que antes deixava as compras para os dias 22 e 23.

‘Mulheres tendem a se planejar mais que os homens’

Gerente financeiro do SPC, Flávio Borges frisa que planejar dezembro é essencial devido aos compromissos sazonais do ano seguinte, como IPVA, IPTU, seguro obrigatório do carro, material e matrícula escolar. “Estes compromissos juntos pressionam o orçamento doméstico”, ressaltou.

Rúbia já comprou todos os presentes natalinos%2C mas continua atenta às promoções do comércio do RioMaíra Coelho / Agência O Dia

Ele acrescentou que uma dívida feita sem planejamento pode comprometer o orçamento de muitos meses, e o efeito imediato de compras impulsivas é a inadimplência. “Depois que as contas chegam o consumidor percebe que o salário não vai ser suficiente para cobrir as despesas”, disse.

Uma outra pesquisa feita com três mil pessoas que utilizam o aplicativo móvel PiniOn informa que 71% dos entrevistados pretende comprar roupas para presentear. Os calçados vêm em segundo lugar, com 33% das intenções. Apenas 25% vão se auto-presentear, segundo o levantamento.

Segundo a Fundação Getúlio Vargas, a média dos preços dos presentes entre janeiro e dezembro de 2013 ficou abaixo da inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor 10 (IPC-10), que foi de 3,78% ante os 5,48% do ano passado.

Promoções individuais em lojas

Embora não haja saldão programado para os demais shoppings do Rio, praticamente todos os estabelecimentos têm lojas com descontos que podem chegar até 70%. No West Shopping as ofertas alcançam 60%.

O NorteShopping e o Ilha Plaza vão na mesma linha, com lojas promovendo ofertas especiais, além de horário diferenciado para atender àqueles que já estão de férias e com dinheiro no bolso em busca de produtos, serviços e entretenimento. Inclusive a loja Leader do NorteShopping ainda está contratando para vagas de fim de ano.

Em seu primeiro Natal, o Shopping Metropolitano Barra abrirá das 10h às 23h de segunda a sábado, e das 13h às 22h aos domingos até o dia 23. Do dia 26 até o dia 30 vai funcionar de 10h às 22h (segunda a sábado), aos domingos as lojas vão abrir, das 13h às 21h, e alimentação e lazer, das 11h às 22h. No dia 31, lojas, alimentação e lazer funcionarão das 10h às 16h.

Você pode gostar