Por tamyres.matos
Rio - Para o desconforto dos moradores do Rio e de turistas ingleses, a TAM anunciou nesta segunda-feira o cancelamento dos três voos semanais da rota entre Rio e Londres, a partir de 17 de março. A medida foi criticada pelo secretário especial de Turismo do Município do Rio, Antonio Pedro Figueira de Mello. Ele afirmou que que a empresa aérea, no mínimo, caminha na contramão do segmento de turismo que investe na cidade.
Por meio de nota, a empresa informou aos passageiros que existe a possibilidade de ir para a Inglaterra por meio de conexão dos voos diários da companhia que partem de São Paulo, no aeroporto de Guarulhos. Conforme a nota, a suspensão é para “aumentar a taxa de ocupação e a rentabilidade dos seus voos internacionais”.

Com a suspensão da ligação direta entre Rio e a capital inglesa, será a quarta rota que a TAM suspende a partir do Galeão, desde que se fundiu com a chilena LAN, quando foi criada a Latam. Em abril de 2013, foram cancelados os voos para Paris e Frankfurt. A partir de março, não haverá mais nenhuma ligação da companhia aérea entre o Rio e cidades da Europa.

A empresa aérea mantém ainda voos internacionais diretos do Rio para Buenos Aires%2C Argentina%3B e Miami e Nova York%2C nos Estados UnidosAndré Luiz Mello / Agência O Dia

Antonio Pedro ironizou a decisão da TAM, afirmando que, desde a fusão com a aérea chilena, a empresa brasileira “deve estar com algum problema interno”.

Publicidade
“É lamentável. Vão na contramão de todas as demais empresas que estão aumentando seus voos para o Rio, como a inglesa British Airways”, disse o secretário.
Ele lembrou que a Cidade do Rio tem sido destaque em todas as pesquisas sobre os melhores destinos do planeta, além de ser o palco da final da Copa. Segundo Antonio Pedro, desde a fusão, o atendimento aos clientes da TAM só tem piorado.
Publicidade
Voos voltam na Copa
Apesar da suspensão da rota Rio-Londres, a TAM informou que para atender à demanda prevista para os meses de junho e julho, quando ocorrerá a Copa do Mundo no país, a companhia deve retomar as três frequências semanais entre as duas cidades. Os voos permanecerão de 3 de junho a 19 de julho.
Publicidade
Conforme a nota da empresa, os clientes que haviam adquirido passagens para viagens nessa rota, a partir de 17 de março, devem entrar em contato com a Central de Vendas, Fidelidade e Serviços para fazer a troca dos voos ou solicitar o reembolso integral dos bilhetes. A companhia também atenderá pelos nos telefones no Brasil 4002-5700 (capitais) ou 0300 570 5700 (demais localidades) e na Inglaterra 44 (0) 208 741 2005.
“Os passageiros com origem no Rio de Janeiro poderão viajar para Londres via São Paulo, sete dias por semana, como atualmente. Estamos organizando a operação no nosso centro de conexões em São Paulo para que a escala impacte no menos possível a experiência de viagem dos nossos passageiros e possam ter a viagem mais agradável possível”, afirmou Jorge Vilches, responsável da Unidade de Negócios Internacional da TAM.