Rio investe em linhas de crédito para empresas

Estado promove rodada de financiamento para desenvolver APLs regionais

Por O Dia

Rio - Agentes financeiros da AgeRio (Agência Estadual de Fomento), Banco do Brasil, Bradesco e Caixa Econômica apresentam na quinta-feira linhas de financiamento para empresários dos 25 Arranjos Produtivos Locais (APLs) de todo o estado. Com taxas a partir de 0,29% ao mês (5% ao ano) e prazos de até 96 meses, conforme o valor que será emprestado, são mais de 10 linhas de crédito disponíveis para empresas.

Promoção da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, a Rodada de Crédito vai liberar recursos para projetos de inovação, modernização e expansão, capital de giro, aquisição de máquinas e equipamentos, licenciamento ambiental, até propostas de eficiência energética.
“É uma oportunidade para alavancar as empresas que fazem parte dos APLs, com opções de financiamento para várias finalidades de cada empreendimento.

Clique no infográfico para ver maiorO Dia

As instituições apresentarão produtos elaborados para atender às necessidades das micro, pequenas e médias empresas, que compõem os arranjos do estado”, explica a subsecretária estadual de Comércio e Serviços, Dulce Ângela Procópio.

Integram um APL as empresas que fazem parte da cadeia produtiva em um setor da economia, dentro da mesma localidade, cujo enfoque seja a comercialização, logística, Educação, apoio consultivo, na mesma região. Para participar, o empresário deve se inscrever no site www.rodadadecreditoaplrj.com.br.

Incentivo à inovação e modernização das empresas

Presidente da AgeRio, José Domingos Vargas destaca que a Rodada de Crédito é um mecanismo de informação e de divulgação dos produtos financeiros existentes no estado para o empreendedor fluminense. Segundo ele, há uma série de modalidades de crédito que possibilitam o desenvolvimento dos Arranjos Produtivos Locais do estado.

No site www.agerio.com.br, clicando no ícone ‘Crédito para sua empresa’ e depois no ícone ‘Arranjo Produtivo Local’, o empresário terá informações sobre as áreas de atuação e de linhas de fomento disponíveis, além dos limites de crédito, condições de financiamento e a possibilidade de simulações dos financiamentos.

O segmento de confecções de moda íntima faz parte do Arranjo Produtivo Local de Nova FriburgoDivulgação

Para os projetos de inovação, há o Inovacred — uma linha de financiamento de até R$ 10 mil para atividades que criem novos produtos, processos, modelo de negócios, marketing ou estrutura organizacional.

Com a linha APL Metalmecânico — Licenciamento Ambiental, a agência ajuda na implementação das ações necessárias para que a empresa obtenha a Licença Operacional definitiva. O limite de crédito é de até R$ 2 milhões, com juros de 0,8% ao mês, carência de 12 meses e prazo de até 60 meses para o pagamento.

Há também linhas para aquisição de máquinas e equipamentos, investimento fixo e eficiência energética. A Rodada de Crédito ocorre na sede da Firjan, no Centro do Rio.

Últimas de _legado_Economia