Concurso da CBTU abre 525 vagas com salário de R$ 5 mil

São chances para os níveis Superior, Médio e Médio/Técnico. Inscrições até abril

Por O Dia

Rio - A Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) divulgou esta semana o edital de concurso de 525 vagas, além da formação de cadastro de reserva. Para o Rio de Janeiro são 137 oportunidades. Os rendimentos chegam a R$ 5.763,67. São chances para 26 cargos de Nível Superior e 24 cargos para Médio, sendo que 18 deles exigem formação técnica. As inscrições ficam abertas até 22 de abril no site da banca Consulplan.

Leonardo de Souza afirma que tem mais dificuldade em Português Divulgação

Fernando Bentes, diretor do site Questões de Concursos, informa que na prova objetiva o candidato deve estudar com afinco a disciplina de Português. Outra matéria que ele diz merecer atenção especial é a de conhecimentos específicos.

“Elas têm pontuação alta e peso dois. Apenas nos cargos de assistente operacional e assistente de manutenção não há previsão de conhecimentos específicos. A prova testará conhecimentos gerais do candidato com pontuação maior para Português, Matemática e Raciocínio Lógico”, informa Bentes.

Professora do site Gabarita Português, Letícia Debom alerta para ter muita atenção à redação. “Para fazer uma boa redação dissertativa é preciso conhecer a estrutura básica — introdução, desenvolvimento e conclusão. Tem de prestar atenção ao tema proposto e refletir sobre ele antes de começar a escrever”, orienta.

José Almeida Sobrinho, autor do livro ‘Comentários ao Código de Trânsito Brasileiro’, da editora Forense, relata que o conteúdo das disciplinas para as provas foi bem distribuído. “Apesar do número de questões não ser muito extenso, a proporção de pontos nas avaliações foi bem distribuída, dando-se ênfase a conhecimentos específicos, porém, com uma carga considerável de conhecimentos gerais essenciais”, comenta Sobrinho.

Aluno do Universo do Concurso Público, Leonardo de Souza, de 23 anos, afirma que já fez muitos certames, mas sem estudar. Entretanto, para o da CBTU ele vem se dedicando desde quando o concurso foi autorizado. “O mais difícil foi organizar meus estudos nos dias de semana por conta do trabalho. Porém, consegui me programar para estudar uma matéria a cada dia. Nos fins de semana, faço um resumo de todas. Português tem sido meu calcanhar de Aquiles. Por isso, dedico mais tempo a essa disciplina”, diz.

Questões bem distribuídas

?Diretor pedagógico da Academia do Concurso, Paulo Estrella afirma que os conhecimentos básicos somam 40% dos possíveis pontos da prova. Os outros 60% estão nas disciplinas de conhecimentos específicos. “Essas disciplinas são os conhecimentos necessários a cada um dos cargos e uma disciplina de legislação e administração pública. A legislação compõe conteúdos de direito constitucional e direito penal. Já administração pública terá alguns tópicos de direito administrativo”, informa.

José Almeida Sobrinho, autor do livro ‘Comentários ao Código de Trânsito Brasileiro’, da editora Forense, relata que o conteúdo das disciplinas está bem distribuída. “Apesar do número de questões não ser extensa, a proporção de pontos nas avaliações foi bem distribuída, dando-se ênfase a conhecimentos específicos, porém, com uma carga considerável de conhecimentos gerais essenciais”, comenta Sobrinho.

Últimas de _legado_Economia